Notícias

23/01/2018

Faturamento do comércio eletrônico na região de Jundiaí cresce 22,8%

Pesquisa do Sincomercio Jundiaí e Região e da FecomercioSP mostra que o e-commerce da região atingiu faturamento de R$ 171,2 milhões no terceiro trimestre de 2017


O faturamento real (já descontada a inflação) do comércio eletrônico na região de Jundiaí atingiu R$ 171,2 milhões no terceiro trimestre de 2017, a maior cifra registrada para o trimestre desde 2013, uma alta de 22,8% em relação ao mesmo período do ano anterior. No acumulado de 12 meses, as vendas do setor na região aumentaram 3,4%. Os dados são da pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) em parceria com a Ebit e Sincomercio Jundiaí e Região.

 

A pesquisa apresenta dados sobre faturamento real, número de pedidos, tíquete médio e permite mensurar a participação do e-commerce nas vendas totais do varejo (eletrônico e físico) no Estado de São Paulo, segmentado em 16 regiões.

 

O número de pedidos do comércio eletrônico da região no terceiro trimestre do ano alcançou 403 mil. O tíquete médio (faturamento por pedido) cresceu 1,6%, passando de R$ 417,94 para R$ 424,82. A participação do e-commerce no faturamento do varejo geral cresceu 0,2 ponto porcentual (p.p.) ao passar de 1,6% para 1,9%.

 

Para a FecomercioSP e o Sincomercio Jundiaí e Região, tanto o varejo físico quanto o eletrônico continuam sinalizando retomada das vendas, motivada pelo ambiente macroeconômico mais favorável com uma inflação muito mais controlada e trajetória de queda nas taxas de juros. No caso do comércio eletrônico, dois fatores importantes também contribuem para esse movimento. O primeiro deles é o investimento em plataformas de vendas via marketplace, oferecendo ao consumidor uma maior diversidade de produtos, além de aumentar a rentabilidade do negócio. O segundo é o investimento em aplicativos e na melhora das funcionalidades e da visualização do site nos dispositivos móveis.

 

Nota metodológica

A Pesquisa Conjuntural do Comércio Eletrônico FecomercioSP/Ebit (PCCE) para o Estado de São Paulo é realizada com base em informações cedidas pela Ebit e, além dos dados de faturamento real, número de pedidos e tíquete médio, a pesquisa permite mensurar a participação do comércio eletrônico nas vendas totais do varejo paulista. As informações são segmentadas em 16 regiões definidas pelas Delegacias Regionais Tributárias que englobam todos os 645 municípios paulistas e abrangem todas as atividades varejistas constantes do código CNAE 2.0.

 

Assine nossa Newsletter

Enviando formulário…

O servidor encontrou um erro.

Formulário recebido.

Veja mais

Rua Prudente de Moraes, 584 - Centro - Jundiaí, SP

Fone: (11) 4583-1410

2015 SINCOMERCIO JUNDIAÍ -  Desenvolvimento e  Design: